Transição

Adormeceu, por fim…

Seu Espírito já não habita esse corpo cansado, incapaz de conter um coração tão generoso e belo.

Sua alma, agora, ascende a outras mansões, onde os Avatares, Seres de Luz, compartilham sua Sabedoria com aqueles que buscam o Caminho. E aqui ficamos nós, com nossa dor dessa separação não desejada, com a alegria de ter compartilhado a Vida de um ser tão nobre e gentil, ambigüidade que nos prende à vida em suas terrenas contradições.

E sua Luz, que era de poucos, agora se reúne à Fonte da Sabedoria Universal. Que sua Paz seja Profunda, meu pai querido, e nos ajude a suportar sua irreparável ausência.

Anúncios
por João Carlos Figueiredo Postado em Crônica

Aguardo sua resposta...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s