Mãe

Suave, serena, delicada…
Flutuas entre nós, em teu carinho.
Bom te ver, sentir tua presença,
Estar diante do Ser que nos criou…

E, no entanto, tão poucos os momentos…
Estamos sempre sós, tão enredados
Nas tramas que a Sorte nos legou…

Ainda assim, eis a maior dádiva:
Estar presente em tua vida neste instante,
Que seja eterno, qual o Poeta declarou !

Anúncios
por João Carlos Figueiredo Postado em Poesia

Aguardo sua resposta...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s