Dogma e Ignorância

Na época da ditadura militar, o Arcebispo de Olinda e Recife era Dom Hélder Câmara, que eu tive o privilégio e a honra de conhecer. Dom Hélder foi um homem corajoso, que defendeu os mais fracos e oprimidos, perseguidos pela violência militar, como deveria se esperar de quem professa a doutrina cristã… Ele nunca se omitiu, nem mesmo quando ameaçado pelos fuzis do autoritarismo, que tantas vítimas deixaram em nossas lembranças.

Mas, infelizmente, não é de tão admirável figura que eu tenho de falar, e sim de seu sucessor, cujo nome nem me preocupo em mencionar… e de um fato lamentável, que me leva a escrever: uma criança de 9 anos, violentada pelo padrasto, grávida de gêmeos, com sua frágil vida em alto risco! O que um pequenino corpo, ainda nem preparado para a gestação, suportaria se essa gravidez covardemente imposta fosse levada adiante?

Pois, com responsabilidade e coragem, os médicos interromperam essa gestação e, pasmem, o dito arcebispo excomungou médicos, famiiares e a própria vítima, e ainda afirmou que o aborto seria um “pecado” mais grave do que o estupro!!! Como assim??? Quem, qual filósofo poderia defender tese tão absurda?

É impossível conceber qualquer argumento que suporte essa teoria, cujo único fundamento se sustenta nos dogmas estabelecidos pela igreja católica. Nenhuma religião pode se intrometer dessa forma na vida dos seres humanos! Quem lhes concedeu tal poder? Que deus poderia justificar tamanha ignomínia? Estamos no século XXI, o emblemático ano 2.000 foi superado sem que o mundo se acabasse, mas a ignorância eclesiástica prevalece nas doutrinas medievais da igreja!

Até mesmo pela atrocidade do ato, o arcebispo deveria ter se calado: pois essa criança foi vítima da monstruosidade de seu padrasto, assim como sua irmã, durante pelo menos três anos! Ou seja, desde os seis anos de idade essa criança foi violentada por esse monstro! E ninguém a defendeu nem denunciou o facínora!

Deveríamos, sim, ter pena de morte ou punição mais cruel para crimes hediondos como o que ocorreu! Um monstro como este nunca poderia ser colocado em convívio com outros seres humanos, se é que se pode admitir que essa aberração seja um “ser humano”! Mas não, ele ainda será julgado, e poderá ser considerado inimputável e levado para uma prisão especial, e ainda voltar à liberdade em poucos anos… e quem resgatará a inocência dessa criança? O Arcebispo de Olinda e Recife?

Dom Hélder Câmara, os homens de bem, dignos, honestos, decentes, que acreditam na vida e na justiça, lhe pedem perdão!…

mepope pope padrespedofilia heil

Seriam esses, pecados menores do que o aborto e o estupro???

por João Carlos Figueiredo Postado em Ensaio

Aguardo sua resposta...

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s